O governo Temer quer que o Mais Médicos seja todo ocupado por brasileiros

E a única coisa lógica a fazer: despachar os auxiliares de enfemagem cubanos com diploma de médico de volta para a ilha da fantasia de Fidel Paredón Castro e contratar apenas brasileiros, bem como ACABAR com essa desgraça chamada EBSERH – Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, um “pudim de inconstitucionalidades” criada na marra por Lula através da MP 520/10 sancionada nos últimos minutos de seu desgoverno e convertida na Lei nº12.550/11 e que objetiva, MENTIROSAMENTE, administrar e melhorar os hospitais universitários, mas que na prática só os destruiu.

O grande nó da tal empresa é que seus funcionários são admitidos após aprovação em processo seletivo, falsamente denominado, NO EDITAL, de concurso público, e contratados pelo regime CLT. Um funcionário do regime CLT custa cerca de 50% de seu salário em encargos trabalhistas ao empregador e o governo tem que pagar essa conta com dinheiro público, ou seja, dinheiro do contribuinte, enquanto um servidor público não custa um centavo em encargos trabalhistas ao governo. Qual a lógica de criar empresas públicas para contratar mão de obra pelo regime CLT? O governo deve repensar isso. Leia aqui

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s