STF está com o rabo preso nas mãos do corrupto Lula

A suprema pocilga jurídica de bananistão só trabalha para o corrupto lavador de dinheiro Lula, pois seus arrotos e petições nojentas e criminosos são colocadas em pauta imediatamente, furando a fila, enquanto ações dos demais brasileiros QUE SUSTENTAM A JOSTA JURÍDICA COM OS IMPOSTOS QUE LHE SÃO ARRANCADOS ficam aguardando em filas intermináveis até entrarem em pauta.

Amigos meus tem uma ação de indeniação trabalhista contra o governo, ajuizada em 1993 e até hoje sequer receberam um centavo do dinheiro que eles deixaram de ganhar com um decreto-lei do falecido Itamar Franco, que concedeu um reajuste diferenciado aos militares em uma época em que na Constituição Federal vigorava a paridade de vencimentos entre todos os poderes e entre membros do mesmo poder.

O STF só julgou a ação em 1998, dando ganho de causa aos servidores e mandando reajustar os salários, mas a diferença entre 1993 e 1998 até agora não foi paga porque os órgãos devedores entram com embargos esperneantes de tudo quanto é tipo e que não são julgados nunca pelos PALHAÇOS e PAUS MANDADOS DE CORRUPTOS do STF porque as ações do molusco psicopata sempre estão na frente, furando a fila.

CRIEM VERGONHA NA CARA, EXCREMENTÍSSIMOS MINISTROS DESTE ANTRO DE SUBSERVIÊNCIA A CORRUPTOS E CRIMINOSOS, ANTES QUE O POVO RESOLVA ACABAR À FORÇA COM A PATIFARIA DOS SENHORES. 

COLOQUEM AS AÇÕES DO PSICOPATA LULA NO FINAL DA FILA. OS BRASILEIROS HONESTOS E TRABALHADORES QUE SUSTENTAM OS SENHORES TEM PRIORIDADE SOBRE CRIMINOSOS QUE DEVEM APODRECER NA CADEIA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s